Telefone (18) 3222 - 7315

Notícias

News destaques em Nefrologia de 07 a 12 de janeiro de 2018

15/01/2018


ImagenLogo02

*Suplementos podem causar falência dos rins, alerta médico – O verão chegou. É a hora de expor os corpos perfeitos conquistados depois de meses de academia. Porém, a busca por músculos e curvas pode esconder um risco, principalmente para quem adere aos suplementos alimentares, em especial os compostos de proteína extraída do soro do leite. Segundo o nefrologista Paulo Paste, o uso dessas substâncias por longo prazo pode levar a lesões nos rins e até a falência dos órgãos, sendo necessária hemodiálise e até o transplante. Saiba mais

*Com reabertura de clínica em Itabaiana, Huse passa a ter 39 leitos disponíveis para hemodiálise – Os 39 pacientes internados no Hospital de Urgência de Sergipe (Huse) para tratamento de hemodiálise estarão deixando a unidade hospitalar após a reabertura do Centro de Nefrologia de Itabaiana, que estava interditado desde o dia 4 de setembro, por parte da Diretoria Estadual de Vigilância Sanitária (Divisa), em Sergipe, em função de problemas técnicos. Esses pacientes já estavam em condição de alta hospitalar, segundo o coordenador do Pronto Socorro do Huse, Vinícius Vilela, e deveriam ter sido assistidos pela rede municipal de saúde de Aracaju. Saiba mais

*Falta de clínicas precarizam serviço de hemodiálise no MA – Pacientes que precisam de hemodiálise no Maranhão tem sofrido com uma rotina desgastante pela falta de clínicas no interior do Estado. Há pacientes de municípios distantes que fazem longas viagens para garantir a sobrevivência com o tratamento de hemodiálise em São Luís, sendo clínicas em cidades próximas já deveriam ser entregues. Saiba mais

*Doenças renais: a epidemia silenciosa no Amazonas – Atualmente, mais de 120 mil brasileiros têm insuficiência renal e fazem hemodiálise. A cada ano, segundo a Sociedade Brasileira de Nefrologia, 21 mil pessoas entram nesse grupo. Entre as causas do problema, estão a hipertensão, o diabetes e o uso excessivo de anti-inflamatórios, vendidos sem controle nas farmácias. Esse tipo de medicamento, se consumido rotineiramente ou em excesso, pode provocar lesão nos rins. Saiba mais

*Governo estadual atrasa entrega de três centros de nefrologia – O Governo do Maranhão atrasou a entrega de três centros de nefrologia no estado, com capacidade para atender até 120 pessoas de forma simultânea e que estariam sendo construídos nas cidades de São Luís, São José de Ribamar e Pinheiro. Questionada por O Estado, em nota, a assessoria do governo não informou sobre os prazos de entrega das obras. Saiba mais

*Entidades que atendem pacientes com doença renal crônica poderão ser beneficiadas –A Assembleia Legislativa aprovou projeto de lei que autoriza o Poder Executivo a isentar do pagamento de água e tratamento de esgoto as clínicas de nefrologia que atendem pelo Sistema Único de Saúde (SUS). Segundo o autor da proposta, deputado Estevam Galvão (DEM), o objetivo é que o Poder Executivo conceda um auxílio financeiro mensal para que as clínicas públicas de hemodiálise paguem as contas de água e esgoto. A justificativa do Projeto de Lei 1041/2017 informa que as unidades precisam realizar empréstimos para se manterem. “O uso da água é um dos principais gastos das clínicas com esse procedimento médico, e a isenção representará uma significativa economia no final do mês”, explicou o deputado. Saiba mais

*Ampliação do Atende está em tramitação na Câmara – O vereador Toninho Paiva (PR) quer ampliar o serviço Atende, da SPTrans (São Paulo Transporte) aos pacientes que fazem tratamentos como hemodiálise, quimioterapia e radioterapia. Hoje, a modalidade de transporte gratuito, porta a porte, vale para pessoas com autismo, surdocegueira ou deficiência física severa que necessitem de cadeira de rodas para se locomover. Saiba mais

*Prefeito confirma ampliação do setor de Hemodiálise de Pará de Minas – Recentemente, a Prefeitura Municipal, através de uma parceria com o deputado federal Diego Andrade, recebeu uma verba de R$250 mil que será direcionada à ampliação do setor de hemodiálise de Pará de Minas, que é coordenado pelo Hospital Nossa Senhora da Conceição. Saiba mais

*Ricardo promete rede para Hemodiálise – O ex-secretário de Saúde do Estado, Ricardo Murad (PRP) que é pré-candidato ao governo divulgou mensagem aos maranhenses, especialmente para aqueles que dependem de hemodiálise para continuar vivos enquanto esperam um transplante renal e hoje estão sem esperança e sofrendo horrores. Após a veiculação de reportagem na TV Mirante que mostrou o drama dos pacientes com hemodiálise no Maranhão, o ex-secretário prometeu concluir 7 Centros de Hemodiálise no Maranhão. Saiba mais

Fonte: https://sbn.org.br/destaques-da-semana-07-12-de-janeiro/

Notícias Relacionadas